EVITAR O PIOR
por Antonio Correia em 14/4/2009
Está cada vez pior a situação do CSA no Estadual. Em termos de chegar ao BI, o sonho acabou. Restando quatro jogos e ocupando a Zona de Rebaixamento, o Clube da Lagoa precisa acordar para a dura realidade. Ou reage imediatamente ou o pior acontece, mergulhando, outra vez, na Segundona. A maior torcida das Alagoas não merece tamanha humilhação, mas tem que engolir o resultado da falta de planejamento e de péssimas administrações anteriores. Os atuais dirigentes até que tentam evitar o pior, mas o estrago feito é devastador.

O BI já era, pois somente um milagre reverteria esta situação. Além da turbulência que vem agitando o clube nos bastidores, não há união e sobra vaidade, inveja, tara pelo poder. Resta escapar da degola, considerando-se a contagem geral de pontos no campeonato. Hoje o Clube da Lagoa está com a vergonhosa marca de 12 pontos em 14 jogos. Pela ordem, o CSA enfrentará CSE, em casa, ASA, em Arapiraca, Murici e CRB, em casa.

Olha só a ruindade que está sendo o CSA, na contagem geral de pontos:
Corinthians, 38
ASA, 36
CRB, 24
Murici, 23
Coruripe, 22
Ipanema, 17
Igaci, 17
CSE, 16
CSA, 12
Capelense, 10

Hoje estariam na Segunda Divisão Estadual em 2010, CAPELENSE e CSA.
x-x-x-x-x-x-x-x-x-x
Enquanto isso o CRB navega em águas mansas. O Galo da Pajuçara assume a liderança do Grupo B, com 13 pontos. Ainda não tem a classificação garantida, porque o grupo está muito equilibrado, com todos tendo chances reais. O segundo colocado é o ASA, com 12 pontos, igual número de pontos que tem o Igaci, na terceira posição. Seguem-se o Murici, com 9 e o CSE, com 7 pontos. Teoricamente, todos podem chegar às semifinais do 2º turno.
Mas não se pode deixar de lado a performance regatiana, tendo como base do seu time jovens valores feitos em casa.


primeira página | voltar | cometários | imprima esta notícia

Deixe seu comentário.

Aguardando o seu comentário...

22/11/2017

GALERIA

LINKS

OFERECIMENTO






ACDA - Associação dos Cronistas Desportivos de Alagoas
2017 © Todos os direitos reservados